Tencati fala em “sentimento horrível” após eliminação e avisa: “Planejar tudo novamente”

Cláudio Tencati fala sobre eliminação do Vitória no Nordestão — Foto: Maurícia da Matta/Divulgação/EC Vitória

Cláudio Tencati fala sobre eliminação do Vitória no Nordestão — Foto: Maurícia da Matta/Divulgação/EC Vitória

A eliminação na Copa do Nordeste volta a abalar as estruturas do Vitória, não apenas pela derrota para o Fortaleza, mas pela maneira como ela foi construída. Com uma atuação apática, a equipe foi goleada por 4 a 0, em partida disputada na noite desta segunda-feira, no Castelão. O Rubro-Negro, que não vence há mais de dois meses, agora só volta a campo pela Série B, no dia 27 deste mês. Em coletiva concedida logo após a partida, o técnico Cláudio Tencati avisou que será preciso recomeçar o planejamento pensando na competição nacional.

– Sentimento horrível. Tem que saber perder. Nós vamos ter que, como o colega já falou, planejar tudo novamente. Vai ter troca de direção, mas a gente segue na confiança da direção. Temos que focar na estreia da Série B. Esse é o planejamento agora. Infelizmente isso [desclassificação] acontece, mas não podemos ficar errando. O Vitória tem necessidade de mudança – disse.

Na opinião de Tencati, o Vitória até iniciou bem o duelo, mas os dois gols abalaram a equipe, que carrega o peso de uma temporada recheada de fracassos.

– É interessante isso. Se é uma semana aberta, ela tem que surtir efeito. O feito do treinamento não se transferiu para o jogo. A cara da equipe, até tomar o gol, estava igual à do Fortaleza. Obrigou o Fortaleza a errar muitos passes. A gente precisava segurar um pouco mais o jogo. Quando sofremos o gol, deu uma sofrida… Quando sofremos o segundo gol, aí veio um baque grande. A gente procurou ajustar algumas peças, a gente procurou mudar o padrão, demos uma equilibrada, mas não foi o suficiente. Entra o detalhe: o bate e volta, a defesa não aguenta – afirmou o treinador rubro-negro.

– Sentimos o gol, aí veio o segundo e sentimos mais a ainda. Fomos aos poucos cedendo e faltou resiliência, de ser consistente, seguro, achar os buracos. Fomos cedendo, cedendo, cedendo e isso não pode acontecer.

Cláudio Tencati ainda falou sobre a possibilidade de deixar o cargo de treinador, afinal Ricardo David deixará em breve a presidência do clube, já que a eleição foi antecipada. Ele admitiu que esse é um risco real.

– Isso pode ocorrer [demissão após chegada de nova diretoria]. Vamos ver se temos a confiança de quem vai chegar. O Chico [Salles, vice-presidente] e o Ricardo [David, presidente] me deixaram bem claro isso. Eu não poderia deixar de agarrar essa oportunidade, de um clube grande, que vai brigar pelo acesso. Pegamos o clube numa época muito ruim, chegamos com um plano emergencial. Conseguimos resgatar rapidamente a forma de jogar, fizemos um grande jogo contra o Náutico. Mas a nossa atitude hoje foi péssima. Assumo toda a derrota – disse Tencati.

A partida de estreia do Vitória na Segundona é diante do Botafogo-SP, fora de casa.

Confira outros trechos da coletiva de Cláudio Tencati.

Peso nos ombros
– Nós tínhamos um plano para a Copa do Nordeste. Nós tínhamos que fazer a manutenção do elenco, então não poderíamos fazer mudanças radicais. A gente poderia ter ficado fora diante do ABC e diante do Náutico. Houve uma melhora nesses dois jogos, a gente criou esperança, procuramos aplicar os conceitos, mas ficou claro: o peso da temporada veio hoje aqui. Nós temos que aceitar agora. Precisa jogar, não pode ter receio. Você não pode ter receio. Tem que se impor. O Fortaleza se impôs e tivemos que aceitar. A bola caía no pé do Edinho, dava um trabalho desgraçado para o Fabrício. Isso foi quebrando linha, quebrando estrutura defensiva. Eu reconheço que o Vitória foi muito omisso.

Falhas na criação
– O setor de criação e de definição não funcionou. O percentual de posse de bola ficou mais no Victor Ramos e no Edcarlos, para depois distribuir nas pontas. A sequência das jogadas não acontecia. É muito cedo da minha parte fazer uma crítica. Se algo não aconteceu de bom, temos que rever. Os atletas têm que entender… O enfrentamento. Se dá a bola em mim, tenho que ir para cima, fazer uma tabela, fazer o jogo acontecer. Se era problema de um peso para esse momento, teremos que mudar.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/ba/futebol/times/vitoria/noticia/tencati-fala-em-sentimento-horrivel-apos-eliminacao-e-avisa-planejar-tudo-novamente.ghtml

Acesse a TVVIANET

Acesse Mais notícias aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.