Coordenador da base do Vitória não projeta data para retorno e lamenta prejuízo: “Incalculável”

Coordenador da base do Vitória não projeta data para retorno e lamenta prejuízo: "Incalculável"

O barradao.com traz para você mais uma notícia do Esporte Clube Vitória.
Aqui você fica sabendo das notícias publicadas nos quatro maiores sites esportivos do Estado da Bahia, confira abaixo o que acabou de sair na mídia.

O time profissional do Vitória pode retornar aos treinos nas próximas semanas. O clube aguarda apenas a liberação das autoridades de saúde para reiniciar os trabalhos.

Porém, para a divisão de base, a situação é mais complicada. Sem perspectivas de competições, as categorias de formação do Rubro-Negro não têm prazo para o retorno.

Em entrevista à Equipe dos Galáticos, o coordenador da base do clube, Emerson Melo, apontou prejuízos com a parada. "O prejuízo, técnico e tático, é incalculável. Jogadores que vão perder o semestre inteiro, pois não sabemos quanto tempo isso vai durar", disse.

O profissional revelou que iniciou nesta segunda-feira (4) um monitoramento dos atletas, que estavam de férias.  "Estávamos fazendo o aconselhamento técnico desses atletas à distância, até eles iniciarem as férias. A partir de hoje, vamos fazer o monitoramento dos atletas. Só vamos voltar a partir do momento que as autoridades de saúde e liberarem. Em primeiro lugar, a saúde das pessoas".

O coordenador destacou, afirmou, ainda, que não espera jogos de categorias de base no país pelos próximos quatro meses e, por isso, não há pressa para a reapresentação. "O retorno será gradativo. Inicialmente só os profissionais. A base não estará pleiteada no primeiro momento. Acredito que antes de setembro não haverá qualquer tipo de competição para a base. Vamos ficar na  expectativa da confirmação". 

No clube desde 2019, Emerson fez um balanço dos oito meses de sua gestão na Toca. "Assumi em agosto de 2019. Fui precedido pelo Carlão. Ficou uma lacuna de dois a três meses depois que ele saiu. Encontrei um clube com dificuldades financeiras, mas foi uma honra o convite. Encontrei categorias inchadas, faltando alguns profissionais para nos ajudar. Aos poucos conseguimos ajustar. Trouxemos psicólogo, fizemos melhorias. O principal objetivo, de colocar alguns atletas no profissional, já conseguimos. Agora, é recuperar a metodologia do Vitória, de revelar jogadores. Assim que retornarmos, que acabar essa a pandemia, vamos ter novidades e vamos retomar aquele DNA do Vitória que ficou um pouco esquecido. Estamos no caminho certo. É um trabalho de médio a longo prazo".

O hoje dirigente, porém, não esqueceu de relembrar sua carreira como atleta, o início no rival Bahia e a chegada ao Vitória. "Cheguei no Bahia aos 13 anos, junto com Jean, goleiro, e Damásio, lateral-esquerdo. Joguei por oito anos no Bahia e depois tive uma passagem curta no Juventude. Na época era a Lei Zico, eu tinha o passe preso no Bahia. Consegui me desvincular na Justiça e o Paulo Carneiro me fez o convite. Cheguei no Vitória em 95 e fiquei três anos", contou o ex-zagueiro.

Já ao ser questionado sobre a aposentadoria precoce dos gramados, o ex-atleta garantiu que não foi prejudicado por lesões e que a parada foi programada. "Voltei ao Bahia em 2006. Joguei até 2007 e fui para os EUA em 2008. Ingressei na faculdade e comecei a estudar. Mas, já não queria jogar mais. Voltei ao Brasil como advogado. Sempre levei uma vida de atleta. Até hoje treino todos os dias. Quando voltei ao Bahia em 2006 já pensava em parar. Sempre me preocupei com o futuro e os estudos. Me preparei para isso. Já não tinha a vontade de levantar e treinar como nos meus 20 anos de jogador. Trilhei outro caminho e, graças a Deus, tive sucesso", encerrou.

Além da dupla Ba-Vi, Emerson Melo passou por clubes como Grêmio, Guarani, Tokyo Verdy-JAP, União Barbarense, América-SP e Portuguesa.

 

Fonte: https://www.galaticosonline.com/noticia/04/05/2020/91619,coordenador-da-base-do-vitoria-nao-projeta-data-para-retorno-e-lamenta-prejuizo-incalculavel.html


Coordenador da base do Vitória não projeta data para retorno e lamenta prejuízo: "Incalculável"


Clique aqui para ler mais notícias do Vitória

Portanto, por isso, assim sendo, por conseguinte, conseqüentemente, então, deste modo, desta maneira, em vista disso, diante disso, mediante o exposto, em suma, em síntese, em conclusão, enfim, em resumo, portanto, assim, dessa forma, dessa maneira, logo, pois, portanto, pois, (depois do verbo), com isso, desse/deste modo; dessa/desta maneira, dessa/desta forma, assim, em vista disso, por conseguinte, então, logo, destarte.
 

Comentários